16 de outubro de 2008

Caminhos separados

Muitas coisas aconteceram. Vou tentar resumir mas acho que esse post aqui vai virar livro.

Procurei uma nova advogada porque as coisas da separação estavam mal encaminhadas. A doutora já mostrou logo que não iria deixar a bola parada e procurou a Sra. J para conversar.

Acho que ao ver que a hora de assinar está se aproximando, a Sra. J deve ter dado uma balançada. Pediu que queria me ver.

E lá fui eu. Desta vez muito mais inteiro emocionalmente e consciente do que deveria ser feito. Ela me pergunta o que eu penso que poderia ser feito pelo casamento. E acho que ao responder eu acabei com a coisa que era mais certa no mundo dela: "O Leonardo estará sempre disponível para mim."

Disse a ela que nosso casamento já havia acabado a muito tempo e que o melhor a fazer agora seria assinar logo essa separação. Se no futuro algo mudasse...

Ela se disse surpresa, que não esperava isso de mim. Então expliquei que quero estar com alguém que queira estar comigo. Quero me sentir amado. Nosso casamento já tinha acabado, não faria nenhum sentido ressuscitar um casamento morto sem que houvesse isso.

Tudo estaria bem se algo dentro de mim não ficasse me fazendo uma pergunta: Como assim?? Salvar casamento?? O que essa mulher quer???

Liguei e perguntei: O que você quer de mim? Você já não está em outra??

Ela teve a petulância de me dizer que não. E me devolveu a pergunta. Ahh, quer saber?? Dane-se! Se ela pode mentir, porque eu não posso também?

A coisa ficou feia. O que restava do mundinho dela onde o Leonardo sempre estaria ali pra ela terminou de vez.

A Sra. J disse que não quer mais ter nenhum contato comigo pois isso só estava machucando os dois. Se despediu, disse que iria buscar o próprio equilíbrio e desejou o melhor para mim. Retribui da mesma forma.

E desliguei o telefone um pouco atônito. Mas muito mais leve...

7 comentários:

Calcinha combinando... disse...

UHUUUUUUUUUUUU!!!! SUCESSO!!!!!!
Muito orgulhosa e feliz por você ter (e estar) conseguido manter a serenidade e o equilíbrio, não é fácil mas é necessário, né??? Acredite que o que um dia pareceu ser perfeito, uma hora perde completamente o sentido...
Continuo na torcida!
BJUS

eu disse...

O pior que sinto que você gosta dela. Esta separação está muito difícil para você. O exemplo disso é a sua ligação para saber o que ela quis dizer com salvar casamento.

O momento é de você procurar outras. Pode parecer infantil, mas é necessário no processo de esquecimento.

Entre Trintas disse...

Aff!
Saravá!
Sal grosso!
Bola prafrente!
PARABÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉNS!

Voltei, obrigada pelo carinho!
Bjão,
Gi ;)

Camila :) disse...

nossa q post massa auhuhauha :)
gosteei da tuaa sinceridadee

beejoo

Robson disse...

Ei Leonardo, primeira vez que venho aqui e pego logo esse post de cara...
Meu caro, nada como ser verdadeiro com você mesmo, pois naturalmente quem convive contigo vai experimentar dessa verdade.
Um amigo que se separou recentemente me disse quando perguntei...
- O que vc está sentido nesse momento?
-luto... ele respondeu sem titubear.
Então percebo que existe um ciclo a se cumprir.
boa sorte!!

Eu disse...

Obrigada pelo apoio.

Leonardo disse...

Gente,

Tanto apoio assim, não tenho nem como agradecer por aqui. Isso vai dar post.

Obrigado a todos pelas visitas e pelas palavras de incentivo.

Escrever é bom, mas ler os comentários é ainda melhor!